A imagem principal do texto com Dicas de SEO mostra uma mesa com uma xícara de café, um vaso de planta e um caderno de rascunhos escrito SEO.

10 dicas de SEO pra vencer a concorrência nas pesquisas

Você quer vencer a concorrência e sair na frente nas pesquisas do Google? Esse posicionamento é essencial para se destacar nas plataformas digitais, mas, ao contrário do que muitas pessoas precisam, não é preciso saber todas as dicas de SEO do mundo para isso.

A maior parte das empresas e dos blogs não estão trabalhando os fatores de posicionamento. São poucos os que realmente olham para essa estratégia de forma séria e com relevância.

Diante disso, mesmo que você não saiba tudo sobre otimização para motores de busca, conseguirá sair na frente de boa parte da sua concorrência.

Porém, essa realidade parece estar mudando!

Segundo uma pesquisa da ReachLocal sobre tendências de marketing digital para 2017, as técnicas de SEO estão entre as cinco principais tendências das empresas.

As dicas de SEO são importantes por fortalecer os comércios locais. A imagem mostra a ilustração de uma mão segurando um celular em frente a um pequeno comércio.

Essa tendência surge com a maior demanda de pessoas buscando por comércios locais, já que os mecanismos de busca impactam diretamente na decisão de compra.

E muitas outras estatísticas de SEO que mostram a importância de trabalhar a presença de pequenas empresas no Google:

  • 60% dos visitantes chegam aos sites através das buscas.
  • 81% das vendas em empresas B2B começam através das pesquisas.
  • O tráfego de pesquisas é até 300% maior que o de mídias sociais.
  • As pesquisas equivalem a 50% dos acessos móveis em sites de comércio local.

Mas, como eu falei antes, apesar dessa forte tendência das pessoas olharem cada vez mais para o Google, elas não estão fazendo o que é realmente necessário pra se destacar!

Portanto, se você sair na frente e aplicar essas dicas de SEO que ensinarei, as chances de sair na frente da concorrência são altas!

Vamos às dicas de SEO?

Estudar as palavras chave é um das dicas de SEO mais importantes. A imagem mostra um notebook com um bloco de anotações e um lápis.

1 – Estude as palavras-chave do seu negócio

Essa é uma das dicas de SEO mais básicas do mundo, mas você pode ter certeza que a maior parte das empresas estão deixando-a de lado.

Quando nós falamos em estudar as palavras-chave do seu negócio, não é apenas para dar um breve pesquisada e descobrir como as pessoas pesquisam sobre a sua área, mas fazer uma estratégia de conteúdo para atrair esses visitantes.

Neste artigo, por exemplo, eu poderia falar sobre vários assuntos relacionados à SEO.

Eu fiz uma pesquisa rápida no Planejador de Palavras-Chave do Google Adwords, e identifiquei algumas pesquisas que poderia trabalhar:

  • Dicas de SEO
  • Otimização de Sites
  • Consultoria SEO
  • Ferramentas SEO
  • SEO para WordPress
  • Como otimizar um site
  • Análise SEO

São muitos os temas que eu posso escrever ao falar sobre SEO e também poderia falar sobre o SEO de forma bem genérica, sem me aprofundar.

As dicas de SEO não valerão de nada se você não tiver uma boa estratégia de conteúdo. A imagem mostra um homem de negócios desenhando estratégias em uma parede.

Ao invés de ter uma única página explorando essa palavra-chave, que é a principal do meu blog, eu tracei uma estratégia para produzir conteúdo trabalhando com todos esses termos. Assim, terei conteúdo para quem quiser dicas de SEO, consultoria, ferramentas etc.

Esse é um exemplo básico e bem superficial de como pensar as palavras-chave de seu site, mas você pode fazer isso de forma mais aprofundada em qualquer negócio, inclusive em comércios locais.

A minha noiva, por exemplo, é fotógrafa em Praia Grande, no litoral de São Paulo, e comecei um trabalho de SEO para que pudéssemos captar clientes da região.

Trabalhar termos centrados apenas em palavras genéricas, como “foto”, “fotógrafo” e “fotografia”, não seria competitivo. Estaríamos concorrendo com profissionais de todo o Brasil.

Por isso, tracei uma estratégia de palavras-chaves focadas no litoral sul de São Paulo com o foco de ser mais competitivo regionalmente. É assim que se começa um bom estudo de palavras-chave.

Estudar a palavra-chave não é apenas pesquisar alguns termos relacionados ao seu negócio, mas pensar em como o seu cliente procurará por isso.

2 – Produza conteúdo de qualidade

Se você já leu outros artigos com dicas de SEO, é bem provável que tenha se deparado com muitas pessoas escrevendo frases como “conteúdo é rei”.

Por mais que possa parecer algo clichê e já batido, esse é um grande valor para otimização de sites depois das últimas atualizações do Google.

A experiência do usuário é um grande fator para que os mecanismos de pesquisa reconheçam a qualidade do seu site para aquela pesquisa, mas, isso sozinho não será suficiente.

Conteúdo de qualidade está entre as principais dicas de SEO. A imagem mostra um homem escrevendo em um caderno de frente para uma janela.

Você precisa trabalhar a qualidade do seu conteúdo junto de todas as outras dicas de SEO que falarei no decorrer deste artigo.

Um conteúdo de qualidade é essencial para ganhar a atenção do público, mas um conteúdo de qualidade otimizado para as pesquisas é essencial para ganhar a atenção do Google.

E quando falamos em conteúdo, não podemos pensar apenas no texto que será produzido, mas nas imagens que você utilizará e na navegação dentro das páginas.

O UX DesignUser Xperience Design – tem crescido muito nos últimos tempos porque a experiência de navegação é um fator cada vez mais relevante para os mecanismos de pesquisa e para os usuários.

E nele conta tudo: imagem, navegação, conteúdo etc.

É essencial pensar em conteúdo como o todo do seu site!

O UX Design também entra nas dicas de SEO. A imagem traz ilustração de um olho, cérebro e elementos do computador escrito 'UX".

3 – Palavras-chave na medida certa

Usar palavras-chave poucas vezes em seus artigos fará com que os mecanismos de busca não saibam sobre o que ele se trata, mas usar além da conta pode ser ainda pior.

Existe uma medida certa para usar as palavras-chave em seu site e que você pode se basear nela na hora de construir o seu conteúdo.

O ideal é que seja entre 0,5% e 2% de todo o conteúdo da sua página.

Procurando dicas de SEO pela internet, você pode se deparar com alguns artigos antigos que apresentam números muito maiores para a frequência das palavras-chaves, mas tome cuidado porque são dados desatualizados.

O Google está em constante evolução para apresentar os melhores conteúdos para o usuário. E nessas mudanças, a frequência já não é tão mais alta quanto antes.

Há alguns anos, muitos “especialistas em SEO” enchiam os sites de palavras-chaves, escondidas na mesma cor do fundo, dentro das imagens e no meio de textos sem conteúdo relevante para o público.

As dicas de SEO blackhat podem prejudicar o seu trabalho de posicionamento. A imagem mostra um chapéu preto com a palavra SEO e a escrita Black Hat SEO logo abaixo.

Essas técnicas são os chamados black hats – falarei sobre eles mais à frente – e podem ser terríveis para o seu site.

O excesso de palavra-chave pode ser entendido pelo Google como técnica de black hat e seu site será punido perdendo as posições nas pesquisas!

Dica: Não escreva pensando na quantidade de palavras-chaves. Produza um conteúdo de qualidade e dedique um tempo a isso na edição.

4 – Tenha uma URL amigável

Você já acessou um site que tinha uma URL tão feia que saiu na hora? Isso realmente acontece!

Eu já sai de vários sites ao ver a URL pelos mais diferentes motivos. Desde falta de confiança até não saber sobre o que se trata aquela página.

E esse é um importante fator de SEO nos tempos de hoje por dois motivos:

  • Experiência do usuário
  • Robôs do Google

Como eu já expliquei, a experiência do usuário é um ponto cada vez mais relevante para o Google. E se o usuário deixar de navegar no seu site por não confiar na URL, você está perdendo pontos na pesquisa.

A URL amigável é uma das dicas de SEO mais importantes porque são relevantes para os robôs do Google e para a experiência do usuário. A ilustração mostra uma mão segurando um robô com gravata em meio a humanas com a gravata igual.

E o segundo fator é que a URL é importante para que o Google entenda sobre o que aquela página está falando. Esse é um dos milhares de fatores que os robôs do Google analisam para entender o conteúdo da página.

Mas o que é uma URL amigável?

A URL amigável é aquela URL que explica sobre o que a página se trata e quem tem as palavras chaves certas.

O link dessa página que você está lendo, por exemplo, é:

http://fantasmaredator.com.br/10-dicas-de-seo

Essa URL é extremamente amigável e mostra para os meus leitores o que eles encontrarão na página: dicas de SEO!

Eu poderia usar uma URL como:

http://fantasmaredator.com.br/?id=98

Mas o que isso diz sobre minha página? Nada!

Um padrão amigável mostra ao leitor e aos mecanismos de busca sobre o que se trata a página.

5 – Títulos com a palavra-chave

A palavra-chave é um dos principais pontos que você deve trabalhar em todo o seu site e deve estar presente nos mais variados lugares.

O título é um dos principais deles!

Pra exemplificar isso, vou usar este artigo novamente.

Os títulos precisam ter a palavra-chave e essa é uma das dicas de SEO mais importantes. A imagem mostra vários quadradinhos de madeira com letrinhas.

Eu escrevi sobre dicas de SEO para que você possa vencer a concorrência. O foco do artigo já está dito logo no título.

Tanto o usuário como os robôs do Google saberão sobre o que este artigo fala assim que lerem a chamada. Se ele não ler mais nada, já sabe do que estou falando.

E o título é muito essencial por isso!

Quando você faz uma pesquisa no Google, escolhe quais páginas acessará através dos títulos, o público do seu negócio também.

6 – Crie uma hierarquia de títulos

Um site bem estruturado e com uma estratégia de SEO bem definida tem bastante conteúdo. E cada parte desse conteúdo tem uma relevância diferente para o seu público.

Portanto, você precisa marcar cada parte desses conteúdo com os títulos h1, h2, h3 etc. para indicar ao Google quais partes são relevantes para o seu conteúdo.

Uma hierarquia de conteúdo bem feita é uma das dicas de SEO mais valiosas para seu site. A imagem mostra uma mão com caneta desenhando a tela do computador com conexões para ilustrações de pessoas.

Isso é feito dentro de uma estrutura de títulos e subtítulos para a sua página.

O h1 é o título principal da página, os h2 são os títulos abaixo, os h3 estão abaixo dos h2 e assim sucessivamente até o h6.

Portanto, a estrutura seria algo como

<h1>
<h2>
<h3>
<h2>

Como o título h1 é o mais relevante, você pode usar apenas uma vez dentro de cada página sinalizando qual é o título de maior prioridade, normalmente o título do artigo.

Os outros podem ser usados quantas vezes você precisar.

Neste artigo que você está lendo, usei um h2 e dez h3, por exemplo.

7 – Envie um sitemap ao Google

Um sitemap é uma das dicas de SEO mais básicas que existem, mas que muitas pessoas esquecem de fazer e podem perder muitas posições no Google.

Como o nome diz, um sitemap é um mapa do seu site.

Você precisa de um sitemap para enviar aos mecanismos de busca. Essa é uma das dicas de SEO simples, mas que fazem a diferença. A imagem mostra um printscreen do site Webmaster do Google.

Ele funciona para mostrar todas as páginas e links dentro do seu site.

Para quem usa WordPress, existem muitos plugins, como o SEO by Yoast e Google XML Sitemap que criam os arquivos de sitemap para você enviar ao Google.

8 – Definir o alt de todas imagens

Essa é daquelas dicas de SEO que todo mundo sabe, mas ninguém usa. E que faz um diferencial!

O atributo alt das imagens é importante para vários motivos. Os principais deles são:

  • Mostrar ao Google sobre o que se trata aquela imagem
  • Indicar sobre o que é aquela imagem caso o carregamento não complete
  • Apresentar a imagem aos deficientes visuais

Esse é um dos critérios que o Google usa pensando no User Xperience.

Antigamente, com a baixa qualidade das conexões, o alt funcionava para indicar aos usuários o que existia naquela imagem caso ocorresse algum erro no carregamento.

Agora, ele pensa na experiência de todos os seus usuários, incluindo os deficientes visuais.

Para acessar a internet, as pessoas com deficiência visual usam um aplicativo que lê a página, mas as imagens não podem ser lidas. Essa é a função do alt.

O atributo alt sinaliza o que está dentro daquela imagem.

Portanto, não use essa tag apenas pra indicar ao Google às palavras-chave da página, mas para aprimorar a experiência de todos os usuários.

Links de página fazem parte das dicas de SEO desde sempre, mas são cada vez mais relevantes. A imagem mostra um corrente em que o elo central tem o formato de coração.

9 – Crie links para outras páginas

Os robôs do Google funcionam de uma forma muito simples para descobrir as páginas na internet: eles vão saltando de página para página através dos links.

Ou seja, é necessário criar links para os buscadores descobrirem uma página do seu site. Sempre que escrever um artigo novo, crie links para outros artigos que façam sentido dentro daquele conteúdo.

Outro ponto crucial é que você deve editar páginas antigas de seu site para que tenha links para outras páginas mais recentes.

E não é só dentro do seu site que precisam haver links, mas fora deles também.

Uma das dicas de SEO mais relevantes atualmente é o link building. Ela consiste em fazer com que outros sites criem links para o seu.

Quanto mais páginas relevantes linkando para o seu site, mais os mecanismos de busca entendem que você é mais relevante para aquele segmento de mercado.

Mais uma vez, precisamos repetir essa que é uma das principais dicas de SEO: Não use black hat. A imagem mostra a ilustração da sombra de um espião com a escrita Black Hat SEO

10 – Não use técnicas de black hat

Pesquisando por dicas de SEO na internet, você encontrará várias estratégias que prometem resultados rápidos e de alto impacto.

O problema é que boa parte dessas técnicas não são aconselhadas pelo Google e podem fazer o seu site ser punido.

Essas técnicas de black hat podem te trazer muitos acessos em pouco tempo, realmente, mas os robôs do Google sinalizarão que existe algo errado em seu site e você perderá muitas posições.

Se antes você tinha poucos acessos, depois da punição você é basicamente inexistente.

Portanto, não use técnicas que parecerem duvidosas, como: criar imagens invisíveis cheias de palavras-chave, escrever texto da cor do fundo ou esconder links para ganhar posicionamento.

As técnicas de black hat não são dicas de SEO efetivas. Elas são manipulações do sistema e o Google diz que tem mecanismos suficientes para identificar essas práticas.

Fuja dessa armadilha!